69º FESTIVAL DE CINEMA DE LOCARNO

15/07/2016
De 3 a 13 de agosto, Portugal estará em força em Locarno: 14 obras portuguesas programadas e 9 em competição.

O melhor do cinema de todo o mundo volta a Locarno, na Suíça, para a 69ª edição do Festival de Cinema de Locarno. Simbolizado por um leopardo, que carateriza o prémio principal do festival (Leopardo D’Oro), o evento conta com obras oriundas de todas as regiões, tanto nos segmentos competitivos, como nos não-competitivos.

 

UM PROGRAMA COMPLETO

Com dezenas de obras programadas, segmentos competitivos e não competitivos e ainda animação e música, o Festival de Cinema de Locarno orgulha-se de proporcionar um evento completo e com uma programação exemplar.

O segmento principal é a clássica competição de longas-metragens, denominada Concorso internazionale. Neste segmento, as obras competem pelo Leopardo D’Oro, o prémio atribuído à categoria de melhor filme do festival; outros prémios incluem o Leopardo de Honra, para a carreira dos realizadores, e o Prix de Public UBS, para a escolha do público.



Para além de competição de longas, o festival também apresenta uma competição de curtas, o Concorso Cineasti del presente e o Fuori concorso (dedicado ao cinema de vanguarda).

Entre os segmentos não-competitivos, encontram-se a Piazza Grande (o maior ecrã ao ar livre da Europa), o Signs of Life, o Histoire(s) du cinéma, o I film delle giurie, o Retrospettiva, o Open Doors, o Semaine de la critique e o Panorama Suisse.

Para além de cinema, o festival também conta com uma secção riquíssima de música e animação, denominada laRotonda, que complementa o festival de cinema, oferecendo um espaço privilegiado de música, comércio e lazer.

PORTUGAL NO FESTIVAL

Portugal está representado neste festival como nunca. Com a presença inaudita de três longas-metragens e cinco curtas na competição oficial e ainda diversas obras enquadradas nos segmentos não competitivos, estão programados, no total, 14 filmes portugueses ou com cofinanciamento nacional no certame.

Competição Internacional de Longas

"O Ornitólogo”, de João Pedro Rodrigues; "Correspondências”, de Rita Azevedo Gomes; "Jeunesse”, de Julien Samani (coprodução entre França e Portugal).


Competição Internacional de Curtas

"À Noite fazem-se Amigos”, de Rita Barbosa; "Um Campo de Aviação”, de Joana Pimenta; "Estilhaços”, de José Miguel Ribeiro; "Setembro”, de Leonor Noivo; "The Hunchback”, de Ben Rivers e Gabriel Abrantes.

Fuori Concorso

"O Cinema, Manoel de Oliveira e Eu”, de João Botelho; "A Brief History of Princess X”, de Gabriel Abrantes; "Longe”, de José Oliveira.



Piazza Grande

"Comboio de Sal e Açúcar”, de Licínio de Azevedo.

 Cineasti Del Presente (Competição)

"O Auge do Humano", de Eduardo Williams, coprodução luso-argentina.

 Panorama Suíço

"Rio Corgo”, de Maya Kosa e Sérgio da Costa, produção luso-suíça.

Para mais informações, visite o website oficial do festival e acompanhe o evento nas redes sociais. Consulte, também, o programa do certame para saber quando serão exibidas as obras que lhe interessam.