ENTRE SOMBRAS nomeado para os Prémios César

24/01/2019
O filme de Alice Guimarães e Mónica Santos é candidato aos Prémios César, da Academia Francesa de Cinema, na categoria de melhor curta-metragem de animação.

ENTRE SOMBRAS, uma coprodução Portugal/França, com produção do estúdio de animação Animais AVPL, em coprodução com a francesa Vivement Lundi ! e a portuguesa Um Segundo Filmes, é uma animação em "stop motion", com recurso à técnica da pixilação, inspirada nos elementos dos filmes "noir" e tem como cenário a cidade do Porto, nos anos 40, envolvida em mistério e jogos de sombras. Margarida Vila-Nova narra a história da funcionária de um banco (Sara Costa), onde se depositam corações, numa aventura em busca de um coração roubado.

Com estreia mundial em junho de 2018 no Festival Animafest Zagreb (Croácia) e, em julho em Portugal, no Curtas Vila do Conde, nos quais arrecadou o Prémio do Público, ENTRE SOMBRAS conta já com uma longa lista de prémios, nomeadamente o Prémio Especial do Júri no Hiroshima International Animation Festival (Japão), a Menção Especial do Júri Jovem e o Prémio do Público no Curta Cinema (Brasil), o Prémio do Júri Jovem "Cidade de Montpellier” no Cinéma Méditerranéen Montpellier (França), o Prémio Melhor Animação e Menção Honrosa do Júri Imprensa CISION nos Caminhos do Cinema Português e Prémio do Público no âmbito do Prémio Nacional de Animação 2018 da Casa da Animação.

Outra coprodução portuguesa havia também sido pré-selecionada para uma nomeação aos Prémios César. COMO FERNANDO PESSOA SALVOU PORTUGAL, de Eugène Green, integrou a lista de pré-selecionados na categoria de curtas-metragens, mas não avançou para a fase de nomeação aos Prémios.

A 44.ª edição dos César acontece a 22 de fevereiro, em Paris.