Já são conhecidas as 15 curtas-metragens nomeadas para os EFA 2017

27/09/2017
OS HUMORES ARTIFICIAIS, de Gabriel Abrantes, integra a lista de candidatos ao prémio de melhor curta-metragem europeia, que será entregue nos European Film Awards (EFA) 2017, a 09 de dezembro.
As 15 curta-metragens que integram a lista de nomeados aos EFA são indicadas por júris independentes de 15 festivais europeus, que elegem o candidato de entre os filmes em competição em cada um destes festivais.

Desta lista de festivais consta o Curtas Vila do Conde que, este ano, nomeou a curta espanhola LOS DESHEREDADOS, de Laura Ferrés.

O filme português OS HUMORES ARTIFICIAIS já havia sido anunciado como candidato aos EFA, na categoria de melhor curta-metragem europeia, tendo sido a obra nomeada pelo Festival Internacional de Berlim.

Da lista de filmes até ao momento anunciados em competição na 30.ª edição dos EFA consta ainda A FÁBRICA DE NADA, de Pedro Pinho, que concorre, com mais 50 obras de 31 países, para o prémio de melhor longa-metragem europeia.

A escolha dos vencedores cabe aos mais de três mil membros da EFA, que  irão agora votar nos filmes em competição.