Vencedores IndieLisboa 2019

13/05/2019
PAST PERFECT, de Jorge Jácome, venceu o Grande Prémio de Curta Metragem da Competição Internacional. Na Competição Nacional, o prémio de melhor longa-metragem foi para A MINHA AVÓ TRELOTÓTÓ, de Catarina Ruivo, e A CASA, A VERDADEIRA E A SEGUINTE, AINDA ESTÁ POR FAZER, de Sílvia das Fadas, arrecadou o prémio de melhor curta-metragem.

O Grande Prémio da Competição Internacional foi entregue ao documentário DE LOS NOMBRES DE LAS CABRAS, de Silvia Navarro e Miguel G. Morales (Espanha) e JESSICA FOREVER, de Caroline Poggi e Jonathan Vinel (França) e SĂ NU UCIZI/THOU SHALT NOT KILL, de Gabi Virginia Șarga e Cătălin Rotaru (Roménia) venceram o Prémio Especial do Júri Canais TVCine & Séries.

Ainda na Competição Internacional, além do Prémio de Melhor Curta-metragem atribuído ao português PAST PERFECT, de Jorge Jácome, foram entregues o Prémios Turirsmo de Macau, nas categorias de animação, a GUAXUMA, de Nara Normande (França/Brasil), documentário a SWATTED, de Ismaël Joffroy Chandoutis (França) e ficção a THE GIRL WITH TWO HEADS, de Betzabé Garcia (Reino Unido).

Na competição Nacional, A MINHA AVÓ TRELOTÓTÓ, de Catarina Ruivo, venceu o Prémio de Melhor Longa-metragem e a Melhor Curta-metragem portuguesa foi A CASA, A VERDADEIRA E A SEGUINTE, AINDA ESTÁ POR FAZER, de Sílvia das Fadas.

Tiago Hespanha, venceu o Prémio de Melhor Realizador para Longa-metragem Portuguesa, pelo filme CAMPO, e O MAR ENROLA NA AREIA, de Catarina Mourão, mereceu uma Menção Especial do Júri da Competição Nacional, na categoria de curtas-metragens.

O Prémio Novo Talento FCSH/NOVA foi entregue a PODER FANTASMA, de Afonso Mota, e ESTAS MÃOS SÃO MINHAS, de André Ferreira venceu o Novíssimos. O Prémio Árvore da Vida para Melhor Filme Português foi para INVISÍVEL HERÓI, de Cristèle Alves Meira, tendo A MINHA AVÓ TRELOTÓTÓ, de Catarino Ruivo, recebido um Menção Especial nesta secção competitiva.

O documentário BATIDA DE LISBOA, de Rita Maia e Vasco Viana, venceu o Prémio IndieMusic.

Consulte o palmarés completo da 16.ª edição do IndieLisboa.